12 Mitos comuns sobre Inbound Marketing ⋆ Like Marketing - Inteligência & estratégia digital.

12 Mitos comuns sobre Inbound Marketing

 

Afinal, o que é Inbound Marketing?

Inbound Marketing é uma metodologia de marketing digital que utiliza as ferramentas digitais para atrair clientes.

Entretanto, o  conjunto de estratégias do Inbound Marketing pode ser considerada pouco invasivo e por isso é também chamado de marketing permissivo, isso porque  têm como objetivo atrair voluntariamente clientes potenciais através de informações relevantes e educativas, divertidas ou interessantes.

Para atrair clientes, as ações de Inbound marketing buscam cativar os usuários da internet e atraí-los a procurar mais informações sobre o negócio, criando um relacionamento de confiança para depois conduzir o cliente ideal até o momento da venda.

 Ao contrário do Outbound Marketing , o Inbound baseia-se no relacionamento e educação do consumidor, em vez usar propagandas e prospecção ativa de clientes. A diferença principal com o marketing tradicional, é que  no Inbound é o cliente  quem procura a empresa, por isso é também chamado marketing de atração.

Embora tenha surgido nos Estados Unidos em meados de 2009 com o lançamento do livro “Inbound Marketing: seja encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”, de Brian Halligan e Dharmesh Shah, o Inbound é considerado relativamente novo como metodologia de marketing.

As empresas mais inovadoras do marcado têm utilizado o Inbound Marketing como estratégia de marketing porque ele permite uma análise mais fidedigna do ROI ( retorno sobre investimento) das campanhas para atração de clientes, branding, lançamentos de produtos e otimização dos processos de venda.

 

Simplificadamente, o Inboud Marketing preconiza 5 etapas do processo de vendas: atração, conversão, relacionamento, venda e análise.

 

A ATRAÇÃO consiste em utilizar canais digitais como redes sociais, blog ou procura nos sites de busca para “aparecer” na vida do cliente com conteúdo atrativo, interessante e despretensioso.

 

CONVERSÃO é a etapa onde o usuário fornece seus dados, como e-mail, celular ou perfis das redes sociais para iniciar um relacionamento com o negócio ou empresa e passamos a chamá-lo de LEAD, ou seja um cliente em potencial.

 

RELACIONAMENTO é a etapa em que o lead recebe conteúdo direcionado para os interesses que manifestou quando efetuou a ação de conversão, sendo assim conduzido através de informações relevantes até o momento da VENDA.

 

A etapa de ANÁLISE mensura o ROI e valida a eficiência das etapas anteriores, propondo as otimizações necessárias.

 

E como acontece com toda metodologia de vanguarda, alguns MITOS sobre o Inbound Marketing surgiram no mercado, principalmente devido ao desconhecimento  das suas etapas inteligentes e das ferramentas digitais.

 

Esse artigo se propõe a dissolver essas informações superficiais e esclarecer  as funcionalidades da metodologia.

 

MITO n. 1 – Inbound Marketing demora para dar resultado

Não é verdade! Esse é um grande mito sobre o Inbound. Na verdade, uma estratégia bem pensada e implementada pode gerar resultados já no primeiro mês.

MITO  n.2 – Inbound Marketing é caro

Com uma boa estratégia, seu cliente vai passar a PROCURAR sua empresa ao invés de você procurá-lo, gerando um interesse genuíno na sua marca. Isso reduz tanto os seus custos que a estratégia de Inbound acaba se pagando sozinha.

MITO n. 3 – Inbound marketing é para grandes empresas

Qualquer empresa, independente do tamanho, pode utilizar o Inbound Marketing.

MITO n.4 – Inbound marketing é só envio de e-mails

O envio de e-mails é uma parte pequena do Inbound. Produção de conteúdo para blog, redes sociais, elaboração de materiais digitais, posicionamento do site nos buscadores, são essas as ferramentas que se pode combinar para executar uma estratégia de inbound marketing.

MITO n. 5 – Inbound serve somente para empresas que já estão estabelecidas e não para startups ou empresas em implantação

Não é verdade. Uma estratégia de Inbound Marketing pode ser desenvolvida desde cedo, inclusive, se sua empresa ou startup já começa com uma boa presença digital, chances são de que você já estará um passo a frente da sua concorrência.

MITO n.6 – Inbound marketing não se aplica para relacionamento B2B

Temos dois mitos aí! Primeiro, o conceito de “relacionamento B2B” é um pouco falho nesse contexto. O relacionamento entre empresas não existe sem o relacionamento entre pessoas . São elas quem tomam as decisões. Então, existe um relacionamento entre humanos: H2H!  E, sendo o objetivo do Inbound atrair PESSOAS e criar relacionamentos, SIM, ele pode ser aplicado para B2B e funciona muito bem!

MITO n. 7 – Inbound Marketing serve só para empresas que vendem e entregam produtos pela internet

Ele pode ser utilizado por qualquer empresa, online ou offline, de qualquer segmento.

MITO n. 8 – Inbound Marketing pode ser feito por uma única pessoa

O Inbound envolve um volume de trabalho grande e funções bem distintas a serem operadas: produção de conteúdo, análise de tráfego e redes sociais, anúncios, aplicação de SEO, design de peças, para citar alguns. Formar uma equipe que realize bem essas tarefas já é difícil, imagine uma pessoa só.

MITO n. 9 – Inbound Marketing é a mesma coisa que Marketing de Conteúdo

Não é. Na verdade, o Marketing de Conteúdo é um dos pilares (muito importante, por sinal) de uma boa estratégia de Inbound Marketing, mas não é o marketing de conteúdo em si. A estratégia de conteúdo faz a atração do cliente, mas essa é apenas uma das partes do processo de transformá-lo em cliente.

MITO n. 10 – Inbound Marketing é posicionar o site na primeira página do Google

Um bom rankeamento nos mecanismos de busca é uma das consequências de uma boa estratégia de Inbound Marketing, mas isso não age sozinho. De nada adianta uma boa posição se um BOM RELACIONAMENTO com os clientes CERTOS não for alcançado!

MITO n. 11 – Inbound Marketing não precisa de ferramenta de automação

Precisa sim. A ferramenta torna todo o processo muito mais organizado e fácil de ser implementado com sucesso. Aqui na Like utilizamos o RD Station para a automação de marketing.

MITO n. 12 – Inbound Marketing não precisa ter um site

Precisa! Uma das principais funções do Inbound é gerar tráfego para o seu site, transformando visitantes em leads e leads em clientes.

 

Viu? O Inbound é uma ótima estratégia se aplicada corretamente. 

 

 

Se você quer aprender mais sobre Inbound Marketing e Estratégias Digitais, acesse meu canal no Youtube. Tenho um vídeo novo toda semana!

 

Um beijo!